Visita ao Patrimônio Judeu

Os judeus começaram a estabelecer-se na Polônia no século XII. Sua população aumentou a medida que a perseguição aos judeus em outros países europeus aumentou. Os judeus exerceram um importante papel econômico na antiga Comunidade de Nações polaco-lituana. A maioría dos judeus permaneceu fiel a sua tradição e cultura nativas, mas alguns deles assimilaram-se à sociedade polaca e contribuiram generosamente com o desenvolvimento econômico da Polônia antes da guerra.

Antes do estouro da Segunda Guerra Mundial, a Polônia era onde morava a maior comunidade de judeus do mundo, Varsóvia tinha a maior congregação judia do mundo com 340 mil membros e foi um dos principais centros da diáspora judia. Atualmente não há muitos judeus na Polônia. A maioria da população judia da Polônia morreu durante a Segunda Guerra Mundial e muitos dos judeus que sobreviveram emigraram depois da guerra.
Contudo, muitos lugares históricos e fragmentos da herança judia poderemos descobrir durante nossas visitas especialmemte dedicadas a este tema. Podemos oferecer-lhe uma grande variedade de excursões particulares ajustadas a suas necessidades e expectativas.
Entre os lugares mais visitados relacionados com a história e a cultura judia estão as cidades de Varsóvia, Cracóvia, Lodz, Lublin, Kalwaria Gora, Krenki, Ancut, Lesko, Rzeszow, Chmielnik, Kielce, Siemiatecze, Kazimierz Dolne, Nowe Sacz, Wlodawa, Tarnow, Wroclaw, Kock, Koziemice, Lezajsk, Remanowa e muitos mais.
Cidades populares na Polônia são também ex-campos de concentração como Auschwitz-Birkenau, Majdanek, Treblinka, Sobibor, Belzec, Chelmno (Kulmhof), Stutthof, Gross Rosem, Paszow.

Escolha o número de participantes e a data:

adultos

Você pode gostar também...

O cesto está vazio